terça-feira, 10 de novembro de 2009

SPARTATLHON

No passado mês de Outubro quando passava férias, entretia-me a folhear um jornal desportivo, quando me saltou à vista , esta notícia. Um Português valente, fez a proeza de completar uma ultraMaratona em 34horas! Desde esse dia, que eu proprio fiquei diferente! Os meu pensamento era várias vezes sobressaltado por esta façanha! Então caí na real, que muito ainda havia a aprender sobre esta classe especial de atletas. Pelo Mundo fora as façanhas sucedem-se, tal como corre a água nas torneiras em casa!
Pensei logo vir aqui escrever qualquer coisa sobre o assunto, para dar algum destaque a este homem e a outros atletas em geral! Primeiro faltou-me o tempo, que cada vez é mais escasso para escrever, depois deixei passar o momento certo! Agora que vou completar a Maratona de Lisboa , isto serve de Inspiração para mim...
Ainda bem que o amigo Carlos Fonseca não deixou de assinalar este feito no site de Omundodacorrida.com ! Ainda bem que este feito não ficou só na ponta dos meus dedos...

Um sonho chamado SPARTATHOLN!
Para entender a Spartathlon, prova mais emblemática do Ultra-Maratonismo que ocorre sempre no ultimo fim de semana de Setembro na Grécia, é preciso voltar na história. As maratonas olímpicas que são disputadas em um percurso de 42km são uma alusão a corrida em que Pheidippides, em 490 aC fez para anunciar a vitória sobre os Persas, no entanto antes disso Pheidippides havia corrido 246km até Sparta para pedir ajuda contra a invasão. Ele chegou a Esparta, no dia seguinte, depois de deixar a cidade de Atenas, demorando 36h"Segundo a história grega, após esse evento deu-se origem à maratona. A Spartathlon recria a mais longa dessas duas históricas corridas, a mais dura delas. Sendo o trajecto, percorrido pelo mensageiro grego, Pheidippides. Ao todo o percurso tem 246 quilómetros, ou seja, quase seis maratonas ininterruptas. A Spartatlhon começa as 7h da manhã na última sexta de Setembro em Acrópoles e termina em Sparta, após 36h limite.
A 1ª portuguesa a terminar esta prova foi Alzira Portela Lário em 2001. Além dela nem antes, nem depois houve algum português que tivesse acabado a prova.
Após 8 anos, surge outra vez um português, a conseguir tal proeza. Sendo João Oliveira, o primeiro português masculino a consegui-lo. Envergando o dorsal nº 10, representando a camisola do Clube PortoRunnersNesta edição de 2009, inscreveram-se 380, dos quais só 320 iniciaram a prova. Terminaram 133.
João de Oliveira, o herói português, conseguiu terminar, classificando-se no 65ª lugar, levando 34:01:52 h a conseguir tal proeza.
In Forum Omundodacorrida.com

Sem comentários:

Publicar um comentário

Eu podia ser queniano

Se eu tivesse nascido Quénia!